Corrigida, dívida externa deixada pela ditadura atingiria US$1,2 trilhão, quatro vezes a atual

bloglimpinhoecheiroso

Ditadura_Militar30_CorrupcaoVia Dinheiro Público & Cia., texto publicado em 31/3/2014

Iniciado há exatos 50 anos, o regime militar deixou como herança uma dívida externa que permaneceu impagável ao longo da primeira década da redemocratização.

Ao final de 1984, último ano completo sob a ditadura civil-militar, o Brasil devia a governos e bancos estrangeiros o equivalente a 53,8% de seu Produto Interno Bruto, ou seja, de toda a renda gerada no país. Eram US$102,1 bilhões para um PIB – que indica a capacidade nacional de pagamento – de US$189,7 bilhões.

Em proporções de hoje, seria como se o Brasil devesse US$1,2 trilhão, o quádruplo da dívida externa atual. Mas a situação era ainda mais dramática porque, na época, dois terços do endividamento externo era de responsabilidade do governo federal, principalmente, dos Estados e dos municípios.

Hoje, a dívida externa pública, na casa dos US$120 bilhões, representa pouco menos de 40% da…

View original post mais 233 palavras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: